terça-feira, 8 de novembro de 2011

Vamos Falar de Jogos - Stage #1


Olá!
Seja bem vindo ao novo espaço do nosso humilde blog, Vamos Falar de Jogos!. Bom, não precisamos explicar pra que exatamente vai server esta área não éh~^..bem, decidi reservar esta área para conversar ou comentar mais informalmente sobre jogos..qualquer coisa relacionada a jogos, esta valendo. Se está afim de jogar algum papo fora sobre o assunto, então junte-se a nós!

Bem, ja que estamos apresentados a essa nova parte, quero falar um pouco sobre um jogo que estou jogando atualmente em meu querido PSP. CRISIS CORE Final Fantasy 7 (detesto alfabeto romano, então aos fiéis fans, me perdoem u.u..) esta muito bom.

 Formidável seria um exagero, mas não passaria muito longe do termo que aplicaria a esse jogo. A proposta da SquareEnix em produzi-lo, como você ja deve saber, é explicar a história que pegamos quase que pela metade no Final Fantasy 7 - para PSOne - e acrescentar elementos mais inéditos no sistema de jogo, tornando um RPG "disfarçado" de action-game.
Bem, não vou fazer uma review, nem uma matéria sobre..então não espere não ler algum Spoiler, mas vou tentar não estragar as surpresas mais legais.

Puxa, mas como Sephiroth eh mala ein!?Vendo a trajetória do personagem desde o seu obediente papel de SOLDIER 1st Class da Shin-Ra, até seu pior pesadelo, é muito, mas muito interessante.
Gosto de ver como os personagens mudam em Final Fantasy. Cloud, nosso original protagonista, aparece como um mero SOLDIER de 3ª Classe (pfff!..XD), aprendendo ainda a agir em batalha. Zack, ao contrário do que talvez esperaria, não parece com a Buster Blade (aquela espada humildemente avantajada), pois seu portador, é o seu tutor da 1st Class, Angeal, que tenta por algum juízo na cabeça de Zack.

Personagens: Zack, Angeal, Cloud, Genesis, Sephiroth, Aeris
Olha, as musicas do jogo me surpreenderam muito. Teve um dia que eu cacei uma música de uma faze feito um Pirata atras de um Tesouro, cheguei até a posta-la aqui no Virtual..se quiser, de uma olhada clicando aki.
Creio que estou terminando o jogo, ontem derrotei o Sephiroth (deu trabalho ein..) e estou numa parte bem adiantada. Gosto da forma como o enredo do jogo sabe acelerar, e pausar a ação. Zack é cara que eu diria..muitos gamers devem se identificar com ele (pessoalmente, também encontrei coisas parecidas comigo nele..) e isto traz a você reações imersivas no jogo. Você fica confuso,  fica com raiva,  fica com vontade de ajudar..isso eu achei bem legal.
Mas, senti falta de mais Boss. Alguns deles, creio foram algo parecido com GF's lançados por alguém, mas não entendi muito bem a existência destes como Boss. Gostei dos Boss gêmeos gigantes que você encontra num dojo meio oriental. Também gostei de enfrentar Genesis algumas vezes. Ah, gostei do que acontece com Angeal também..(quem ja jogou vai sacar..quem não, jogue!). 

Ando interessado em jogos com sistemas de combate semelhantes a deste CC FF, e esto ancioso pelo lançamento de Type-0..e ao mesmo tempo, nervoso por não saber se vou encontra-lo com algum patch de tradução..(tenho poucas esperanças sobre um lançamento ocidental do jogo a essa altura..se alguém ai tiver notícias, pode postar).

Bem, este foi nosso primeiro Vamos Falar de Jogos!
Desculpem pelo papo meio furadão..mas eh isso, vamos melhorar com o tempo, e esperamos uma participação um pouco mais ativa de vocês leitores também!Então, sinta-se a vontade para comentar!
Curtiu? alguma sugestão?Mande pra mim!

Até o próximo Vamos Falar de Jogos!

Fernando Augusto Pereira Web Developer

Como todo desenvolvedor de softwares, com pouco auto-estima, vejo nos videogames algo que a vida real não mostra. Jogador veterano de Monster Hunter, RPGista entusiasta, e meio barulhento quando o assunto é Fighting Games, um ser vivo que consegue desperdiçar seu valioso tempo da melhor forma possível. O que como? Onde durmo? Daonde tira tantas ideias idiotas? Hoje, no Globo Reporter!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...