segunda-feira, 12 de março de 2012

Vamos Falar de Jogos - Dead Head Fred


Hoje vocês vão conhecer mais um jogo interessante de PSP. Chama-se Dead Head Fred!
Mas vou falar deste jogo em forma de uma review, assim você pode ficar sabendo sobre como é o jogo, e quais são suas características, ja que eu o joguei estou quase zerando.
Bom, a Vicious Cycle Software publicou o jogo pela pela D3 Publisher . Foi lançado na América do Norte em 28 de setembro de 2007 e roda a base da Vicious Engine, um motor gráfico criado pela empresa, utilizada também em outros jogos como 300 March to Glory (PSP), Bowling Galactic (PC), Survivor The TV Show (Wii), alguns MINIS de PSP, entre outros. Por isso, você já pode esperar boa qualidade gráfica e muitos detalhes interessantes no cenário, como belas texturas e moldes muito realistas.
Bem, o jogo é uma experiência single-player, cujo personagem, Fred Neuman, é um investigador particular que anda com um Jarro de água apenas com seu cérebro dentro, e com isso tem a capacidade de mudar cabeças. Fred foi recentemente assassinado e decapitado, e tem poucas memórias dos acontecimentos que levaram à sua morte. A trama segue com Fred reunindo as pistas de seu assassinato e tenta se vingar do homem que o matou. Ao contrário dos heróis de muitos jogos de ação, Fred não depende de armas convencionais, mas exclusivamente, dos poderes de que dispunha das cabeças decepadas dos inimigos caídos. Algumas delas dão certas habilidades que são uteis não só em combate, mas para realizar certas ações necessárias para se alcançar certas áreas, passar por lugares pequenos, etc..
O jogo recebeu críticas em geral positivas na época, com créticos que citam o seu humor negro e noir um inspirador ponto alto. E é mesmo interessante. Apesar do jogo utilizar muito bem o efeito de exploração, a atmosfera sombria que os cenários passam contagiam o jogador a andar até um bom percurso, apenas para explorar todo o cenário bem detalhado.
Apesar de um sistema de "porrada" fácil, recebeu críticas por seus controles e falta de profundidade nos combates. Alguns inimigos são muito massantes de se matar, como os "Executor's", que são muito apelões com suas foices, mas que ficam entoxicados com o bafo da cabeça zumbi, a partir de então, basta solar a criança, e esperar os curtos Quick Time Events para contra-atacar uma tentativa de Golpe Final, e mata-lo. 


O Jogo vai prender você por algumas boas horas, e irá desafiar sua paciência, e habilidades para se descobrir o que tem que fazer.
Bem, mas apesar dos pesares, em 2008, Dead Head Fred ganhou o Writers Guild of America - o primeiro prêmio dado ao game.
Dead Head Fred é uma exelente opção para quem gosta de uma aventura bem doseada com exploração, algum Beat'n Up, e curte um humor negro =P.


Fica a dica pessoal, se puderem jogar, joguem!!!


È..isso é um jogo de aventura, mas com a cara de um jogo de terror XD
Essa é a cabeça que parece do Frank Stain. Muito Util!
Esse foi um dos Boss mais chatos que eu já peguei.
A falta de noção sober algumas habilidades de Fred, me fizeram
perder algumas horas tentando fazer com que esse cara
literalmente, cai-se do cavalo XD
Fernando Augusto Pereira Web Developer

Como todo desenvolvedor de softwares, com pouco auto-estima, vejo nos videogames algo que a vida real não mostra. Jogador veterano de Monster Hunter, RPGista entusiasta, e meio barulhento quando o assunto é Fighting Games, um ser vivo que consegue desperdiçar seu valioso tempo da melhor forma possível. O que como? Onde durmo? Daonde tira tantas ideias idiotas? Hoje, no Globo Reporter!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...