quarta-feira, 30 de maio de 2012

Vamos Falar de Jogos - Capcom Fighting Jam / decepção..


Olá caros leitores.
Ontem, me deparo com um jogo de luta que, pelo seu nome, desconhecido até então, me fez ter esperanças de jogar algo novo, não totalmente novo, claro, pois até então, estamos falando de um jogo para PS2. Capcom Fighting Jam, um nome novo para mim até ontem, em que tomei a decisão de jogar este jogo que peguei emprestado..não foi a melhor delas, mas vamos lá, falar sobre esse..esse..negocio..
De inicio temos cores e efeitos bem básicos na tela. Deixei rolar a "apresentação" do jogo, para ver se me empolgava. Vários personagens de Streer Fighter começam a dar as caras, com desenhos que jurava serem do ilustrador da SNK, com o tradicional estilo realista (longe de um anime) do The King of Fighters.
Personagens mistos começam a aparecer, vindos de outras franquias da Capcom. Algumas não tão desconhecidas, como DarkStalkers e até personagens da versão III Strike (Third Strike) - que foi um lixo.
Temos então 5 Grupos: Streer Fighter II, Super Streer Fighter Alpha, DarkStalkers, Red Earth e Streer Fighter III.
Okay, terminado de assistir a intro vem a sua mente uma breve analogia: "..estão tentando fazer tipo um KOF, mas só com personagens da Capcom..hum, vai dar merda cara..".
Não deu outra.
Após a apresentação, temos um Menu extremamente básico, com os modos Arcade, Versus, Training e Options. Que menu tosco! Simples demais, muito sem graça para um jogo que quer fazer barulho, pelo menos olhando pro título chamativo ao fundo. Parece trabalho de amador, um mugem melhoradinho, desapontante.
Pronto para sair daquela tela de Menu pobre, fui no modo Arcade. Então, ali temos mais um ponto deprimente.
Quatro personagens para cada série que a Capcom misturou nessa salada. Nos Grupos, temos os quartetos: Streer Fighter II: Ryu, Guile, Bison e Zanguief. Cade o Ken? Poh, me substituem um dos personagens que, depois do Ryu, é o mais aclamado do Street F. A.?? "Ah, mas pode ser que você tenha que abrir Fernando". Ok, pode ser, mas me fala, deste time, você consegue formar uma dupla com Ryu + Bison? Ryu + Zangief? Certo, podem ter pensado no equilíbrio do time, inserindo Ryu como personagem Main Stream (heroizinho) com "magias" fortes, Guile como personagem equilibrado, Zanguief para equilibrar a parte brutal do time, e Bison como o chefe esquisito cheio de poderes-psíquicos-do mal. Este Grupo a meu ver está pobre, em se tratando do segundo Streer Fither.
Ah, vale ressaltar que os gráficos do desenho dos personagens do grupo é o mesmo encontrado em SNK Vs  Capcom 2 - The Ultimate Fighting.
Depois temos o Grupo de III Strike (III Impact, Third Impact..e por ai vai..) com os personagens ridículos que a sequencia trouxe a franquia (infelizmente). Como ja mencionei, detestei esse Streer Fither III.
Personagens: Chun Li, Yun, Urien e Alex. O desenho dos personagens é igual ao do jogo original. Não gosto destes personagens novos, acho os movimentos dele estranhos e muito diferentes do habitual estabelecido pelo jogo, anos atras. Acho que o único que se salva, é Yun. Mas pena eu não saber jogar muito bem com ele.
No Time de Super Streer Fighter Alpha temos Guy, Karin, Sakura e Rose. O estilo dos personagens é igual ao do jogo original também.
Em DarkStalkers temos novamente carência de personagens famosos. Mas enfim, temos Felicia (a gatinha), Demitri (o cara que lembra o Dracula), Anakaris (a múmia gigante) e Jedah (um maluco meio macabro com foices em lugar de asas). Deveriam ter posto a Morigan? Èh, eu também acho. Poderiam ter posto o Lobinho, eu jogava bem com ele..mas enfim..
Por fim, no time de Red Earth - você conhece?nem eu.. - temos personagens bem "diferentes" para economizar em elogios. Leo (só um Homem-Leão com uma espada), Kenji (um ninja de aparência enganosamente interessante - movimentos/golpes muito fracos para um le ninja), Hydron (cara..esse Hydron eu tenho que falar, é um uma mistura extremamente escrota de Polvo com..alguma coisa marinha, com um sirí..sei lá, deve ser parente do sr. Siri gueijo do Bob Esponja, só que azul..com um tridente..muito tosco..chega de falar nele..) e por ultimo um dinossauro muito viagem chamado Hauzer.
Acima, versão Japonesa: mesma chatice. Ridículo!

No meio destes cinco grupos temos uma personagem original, Ingrid, que tem uma aparência delicada, bem asseada e americanizada. Pouquíssimo original, seus golpes fazem você se lembrar facilmente de Athena, de KOF, e sua importância como personagem original fica meio confusa. Afinal, por que a personagem "original", misteriosa, e aparentemente especial, já aparece jogável, sendo que não temos Ken, Morrigan, Hayato e outros grandes nomes?
Para que um jogo queira ser levado a sério, principalmente um que já temos uma ideia de quem possa aparecer, omitir ícones que elevaram a moral da franquia, e ao mesmo tempo, inserir personagens chatos/medonhos e bizarros, puxou uma enorme cortina para esconder esse jogo das prateleiras das lojas. Não que deveriam criar um jogo para que este venda bem, mas não parece um jogo - onde a ideia é fazer um festival de franquias da Capcom - feito para os VERDADEIROS fãns de jogos de luta - o suposto publico alvo deles.
Defina este bixo...

Outra coisa que ainda precisa ser dita, quanto a jogabilidade. Cada grupo mencionado acima, tem uma barrinha diferente, originária de seu jogo. Sem escolha. Quando você derrota um oponente, ou mesmo é derrotado, ainda tem a opção de trocar para seu outro personagem, já que você luta com duplas. Os efeitos que aparecem durante o combate são até que bonitos, mas as vezes confundem, quando por exemplo, você acerta um golpe crítico ou um especial, estoura uma espécie de "barreira", ou "espelho", em que da a impressão de você ter quebrado a defesa do adversário, sendo que ele nem chegou a defender. Era pra ser uma animação de impacto latente por se tratar de um golpe mais forte, mas passa a impressão de que o inimigo tentou defender, mas estourou seu limite de bloqueio.
Gosto de jogos de Luta 2D. E de comentar sobre eles também, Então, compartilho com vocês, uma opinião um pouco dramática sobre minha decepção com este game.

Então, caso queiram comentar algo sobre esta análise (?) fiquem á vontade.
Até o próximo Post!~^

Fernando Augusto Pereira Web Developer

Como todo desenvolvedor de softwares, com pouco auto-estima, vejo nos videogames algo que a vida real não mostra. Jogador veterano de Monster Hunter, RPGista entusiasta, e meio barulhento quando o assunto é Fighting Games, um ser vivo que consegue desperdiçar seu valioso tempo da melhor forma possível. O que como? Onde durmo? Daonde tira tantas ideias idiotas? Hoje, no Globo Reporter!

2 comentários:

  1. Nossa esses personagens de game ficam passando no final dá pagina é muito sensacional!!!!!!^______^

    ResponderExcluir
  2. Obrigado!!!! ^^
    São como filhos pra mim u_u..ja os mudei de lugar,deletei,depois botei dnovo..e agora eles estão ai^^..espero poder ter um espaço mais confortável pra eles correrem..aliás, este Blog precisa de uma pequena atualização não é mesmo...mas obrigado por continuarem acessando-o! Na verdade achei que ninguém mais acessava..

    Mas Muito Obrigado "Anonimo"!^^

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...